Espécies vegetais naturais de Portugal

1. DESTINATÁRIOS

Matriculados no 5º/6º Ano da EB Monte da Ola; EB Senhora da Oliveira e EB do Cabedelo.

2. DISCIPLINAS

  • Ciências Naturais;
  • Estudo do Meio;
  • Português;
  • Matemática;
  • Expressões;
  • Educação para a Cidadania

3. (SUB) UNIDADES CURRICULARES ABRANGIDAS

CIÊNCIAS NATURAIS:
  • Relação dos seres vivos com o ambiente;
  • As rochas e o solo.
ESTUDO DO MEIO:
  • Identificar elementos básicos do meio físico envolvente (flora, relevo e fauna);
  • Realizar experiências e observar formas de reprodução das plantas (germinação das sementes, reprodução por estaca…).
PORTUGUÊS:
  • Produzir textos escritos de diferentes categorias e géneros e mobilizando as diferentes etapas da produção textual.
MATEMÁTICA: 
  • Números e operações (NO);
  • Geometria e medida (GM);
  • Organização e tratamento de dados (OTD).
EXPRESSÕES:
  • Escolher e realizar habilidades apropriadas em percursos na Natureza de acordo com as características do terreno e os sinais de orientação com os colegas e respeitando as regras de segurança e preservação do ambiente.
EDUCAÇÃO PARA A CIDADANIA:
  • Utilizar o conhecimento para interpretar e avaliar a realidade envolvente, para formular e debater argumentos, para sustentar posições, opções e capacidades fundamentais, para a participação ativa na tomada de decisões fundamentadas numa sociedade democrática.

4. CARGA HORÁRIA SOB FLEXIBILIZAÇÃO CURRICULAR (POR DISCIPLINA)

CIÊNCIAS NATURAIS:

A estimativa será de 3% estimada para a disciplina envolvida durante o ano letivo.

1º CICLO:

Neste nível de ensino a percentagem de flexibilização, a obter por divisão pela carga horária global estimada para as disciplinas envolvidas, para o ano letivo considerado reveste-se de alguma dificuldade para calcular a sua mensurabilidade, visto que as disciplinas se interligam e a idade dos alunos é um fator a considerar. Contudo, e num esforço de estimativa, considera-se que a percentagem destinada para as áreas de português e de matemática será de 8% para cada, no total de 16%; estudo do meio e de expressões 3,5% para cada no total de 7% e oferta complementar 2%.

5. PREVISÃO DA(S) ATIVIDADE(S) POR PERÍODO LETIVO

1.º Período
  • Visita guiada a viveiros de espécies naturais de Portugal.
  • Colheita e reprodução de diversas sementes.
  • Dias comemorativos.
  • Percurso pedestre ao Monte Galeão.
2.º Período
  • Debate sobre a temática “espécies autóctones”.
  • Plantação de espécies naturais de Portugal no recinto escolar e no Monte Galeão.
  • Criação de um herbário.
  • Teatro com temática ambiental.
  • Dias comemorativos.
3.º Período
  • Dias comemorativos.
  • Exposição interescolas.
  • Percurso pedestre ao Monte Galeão.

6. ESTIMATIVA ORÇAMENTAL

1000€

7. DOMÍNIOS DA PRÁTICA EXPERIMENTAL:

  • COMUNICAÇÃO DE CIÊNCIA;
  • PROJETOS CIENTÍFICOS INTERAGRUPAMENTOS;
  • SESSÕES DE DIVULGAÇÃO CIENTÍFICA À COMUNIDADE;
  • RECOLHA E REGISTO DE PATRIMÓNIO IMATERIAL;
  • INVENTÁRIO E CADASTRO DE PATRIMÓNIO CONSTRUÍDO (INCLUINDO ARQUEOLÓGICO);
  • CONSERVAÇÃO DE AMOSTRAS PEDAGÓGICAS E CIENTÍFICAS;
  • ESTUDOS DE APOIO À INTERPRETAÇÃO DOS PALEOAMBIENTES;
  • ESTUDOS DE APOIO À INTERPRETAÇÃO À PALEODIVERSIDADE;
  • ESTUDOS APOIADOS EM SONDAGENS DA CROSTA TERRESTRE;
  • MONITORIZAÇÃO E INTERPRETAÇÃO DE PROCESSOS DINÂMICOS;
  • ESTUDOS BASEADOS EM FOTOGRAFIA AÉREA;
  • PREPARAÇÃO DE AMOSTRAS PARA DATAÇÃO ABSOLUTA;
  • PREPARAÇÃO DE AMOSTRAS PARA ESTUDOS EM PALINOLOGIA.

8. UTILIZAÇÃO PREVISTA DA REDE ESCOLAR DE CIÊNCIA E DE APOIO À INVESTIGAÇÃO CIENTÍFICA

9. AGRUPAMENTO/ESCOLA RESPONSÁVEL

Agrupamento de Escolas de Monte da Ola

10. DESCRIÇÃO SUMÁRIA

1º Período

Na “Visita guiada a viveiros de espécies naturais de Portugal” necessitamos do recurso Laboratório de Comunicação e Ciência (câmara de filmar HD, tripé, microfone exterior, vara para microfone).

Na atividade “Colheita e reprodução de diversas sementes”- solicitamos sementes e plantas autóctones em fase de crescimento (serviços da Administração Florestal, CMIA e Horto Municipal) bem como armários para arquivo de amostras e etiquetador.

“Percurso pedestre ao Monte Galeão”- Nesta atividade será útil a câmara de filmar HD, software de edição audiovisual, computador para produção audiovisual, impressora e projetor multimédia.

2º Período

Na atividade “Debate sobre a temática espécies autóctones”, será útil o recurso da rede escolar, Litoteca Municipal para o uso de um projetor multimédia, plintos e armários para exposição temporária de amostras. Serão convidados especialistas na área da proposta pedagógica.

“Plantação de espécies naturais de Portugal no recinto escolar e no Monte Galeão” - Nesta atividade solicitamos a colaboração da Junta de Freguesia.

3º Período

Na atividade “Exposição interescolas” necessitamos da colaboração do Laboratório de Fotogrametria com software de edição de imagem.

Os “Dias comemorativos” serão trabalhados de acordo com o calendário escolar e sempre que possível serão coordenados com a proposta pedagógica.

A previsão das atividades propostas tem como suporte a promoção junto da comunidade educativa do valor e do conhecimento da importância que as espécies naturais têm na conservação do solo, na regulação do clima e do ciclo hidrológico, enquanto suporte de biodiversidade, sumidouro de dióxido de carbono e na produção de matérias-primas fundamentais à nossa vida quotidiana. Todos os alunos irão conhecer as espécies autóctones, indígenas, espontâneas ou nativas originárias de uma determinada área que crescem em comuniades com outras espécies vegetais e animais, providenciando proteção e alimento. Terão oportunidade de defender o cultivo de espécies autóctones no recinto escolar e a sua proliferação no ambiente próximo.