O Maravilhoso Mundo da Areia

1. DESTINATÁRIOS

Alunos dos 1.º, 2.º, 3.º, 4.º, 7º , 10º, 11º e 12º Anos do Agrupamento de Escolas de Monserrate (cerca de 600 alunos).

2. DISCIPLINAS

1º Ano
  • Estudo do Meio;
  • Expressão Plástica;
  • Português;
  • Expressão Físico-Motora.
2º Ano
  • Estudo do Meio;
  • Expressão Plástica;
  • Português;
  • Expressão Físico-Motora.
3º Ano
  • Estudo do Meio;
  • Expressão Plástica;
  • Português;
  • Expressão Físico-Motora.
4º Ano
  • Estudo do Meio;
  • Expressão Plástica;
  • Português;
  • Expressão Físico-Motora.
7º Ano
  • Ciências Naturais.
11º Ano
  • Biologia e Geologia;
  • Física e Química A.
12º Ano
  •  Análises Químicas;
  • Química Aplicada.

3. (SUB) UNIDADES CURRICULARES ABRANGIDAS

1º Ciclo
  • 1.º, 2.º, 3.º e 4.º Anos  - À descoberta do meio natural:
    •  Aspetos físicos do meio local;
    • O contacto entre a Terra e o Mar;
    • Ação do mar sobre a costa.
  • 1.º, 2.º, 3.º e 4.º Anos - À descoberta dos materiais e objetos:
    • Conhecimento das rochas existentes no ambiente próximo e identificação de algumas das suas caraterísticas como a cor, textura, dureza;
    • Conhecimento e manipulação de equipamento científico;
    • Identificação de diferentes sedimentos com base na cor, composição e forma dos grãos de areia;
    • Uso da areia como material natural para exploração, manipulação e transformação de materiais.
  3º Ciclo
  • 7º Ano Ciências Naturais - Dinâmica externa da Terra:
    • A diversidade das paisagens geológicas;
    • Minerais como unidades básicas das rochas;
    • Formação das rochas sedimentares.
  Secundário
  • 11º Ano Física e Química A - Mineralização das águas e processo de dissolução:
    • Processo de dissolução de sais na água do mar.
  • 11º Ano de Biologia e Geologia- Processos e materiais geológicos importantes em ambientes terrestes:
    • Formação e classificação das rochas sedimentares.
  Curso de Técnico de Análise Laboratorial
  • 12º Ano Análises Químicas:
    • Análise de substâncias;
    • Parâmetros físicos “in situ” e amostragem de águas.
  • 12º Ano Química Aplicada:
    • Identificação de substâncias, análises físico-química e microbiológicas.

4. CARGA HORÁRIA SOB FLEXIBILIZAÇÃO CURRICULAR (POR DISCIPLINA)

1º Ciclo:

  • Estudo do Meio 1º,2º,3º e 4º Anos - 6h

Percentagem da carga letiva anual - 6%

  • Português 1º,2º,3º e 4º Anos - 6h

Percentagem da carga letiva anual - 3%

  • Expressão Plástica 1º,2º,3º e 4º Anos - 6h

Percentagem da carga letiva anual - 7%

  • Expressão Físico Motora 1º,2º,3º e 4º Anos - 6h

Percentagem da carga letiva anual - 7%

3º Ciclo:

  • Ciências Naturais - 12h

Percentagem da carga letiva anual - 10%

Secundário:

  • Física e Química A 11º Ano - 6h

Percentagem da carga letiva anual - 3 a 5%

  • Biologia e Geologia 11º Ano - 6h

Percentagem da carga letiva anual - 3 a 5%

  • Análises Químicas 12º Anos - 9h

Percentagem da carga letiva anual - 5%

  • Química Aplicada 12º Ano - 6h

Percentagem da carga letiva anual - 5%

5. PREVISÃO DA(S) ATIVIDADE(S) POR PERÍODO LETIVO

1.º Período
  • 1º Ciclo - Pesquisa com e na biblioteca escolar;
  • 1º e 3º Ciclos - Aprendizagem das técnicas de recolha de amostras. Utilização do Laboratório de Comunicação em Ciência.
2.º Período
  • 1º e 3º Ciclos - Saídas de campo com recolha das amostras de água e de areia a diferentes profundidades e sua localização. Utilização do Laboratório de Sondagem Mecânica e Geofísica;
  • Secundários - Estudo da granulometria. Utilização do Laboratório de Processamento de Amostras em Sedimentologia;
  • 1º e 3º ciclos e Secundário - Observação das amostras. Utilização do Laboratório de Microscopia e de Petrografia;
  • Secundário - Utilização dos Laboratórios de Química da ESM para análise dos micro-organismos das águas recolhidas.
3.º Período
  • 1º Ciclo - Exposição de trabalhos na sede do Agrupamento. Utilização do Laboratório de Comunicação em Ciência;
  • Secundário - Utilização dos Laboratórios de Química da ESM para a determinação da salinidade das águas das praias;
  • Secundário - Catalogação das amostras analisadas. Utilização da Litoteca Municipal;
  • 1º e 3º Ciclos e Secundário - Publicação dos resultados obtidos na página do Agrupamento. Utilização do Laboratório de Comunicação em Ciência.

6. ESTIMATIVA ORÇAMENTAL

2500€

7. DOMÍNIOS DA PRÁTICA EXPERIMENTAL:

  • Comunicação de ciência;
  • Sessões de divulgação científica à comunidade;
  • Conservação de amostras pedagógicas e científicas;
  • Estudos de apoio à interpretação dos paleoambientes;
  • Estudos de apoio à interpretação à paleodiversidade;
  • Estudos apoiados em sondagens da crosta terrestre;
  • Monitorização e interpretação de processos dinâmicos;
  • Preparação de amostras para datação absoluta.

8. UTILIZAÇÃO PREVISTA DA REDE ESCOLAR DE CIÊNCIA E DE APOIO À INVESTIGAÇÃO CIENTÍFICA

LITOTECA MUNICIPAL

LABORATÓRIO DE PROCESSAMENTO DE AMOSTRAS EM SEDIMENTOLOGIA

LABORATÓRIO DE COMUNICAÇÃO DE CIÊNCIA

LABORATÓRIO DE SONDAGEM MECÂNICA E GEOFÍSICA

LABORATÓRIO DE MICROSCOPIA E PETROGRAFIA

9. AGRUPAMENTO/ESCOLA RESPONSÁVEL

Agrupamento de Escolas de Monserrate

10. DESCRIÇÃO SUMÁRIA

A areia é, sem dúvida, um dos materiais que os alunos mais gostam de manipular, sendo uma fonte inesgotável de brincadeiras. O conhecimento empírico que a criança tem sobre a areia pode e deve ser complementado com um conhecimento científico sobre a mesma. Para se promover essa complementaridade poder-se-ão colocar algumas questões, tais como:
  • O que é a areia?
  • De onde vem a areia?
  • Por que razão tem a areia cores e texturas diferentes?
  • Qual a sua utilidade?
  • Qual a sua composição?
  • Como é extraída?
  • Pesquisa na biblioteca escolar, em casa e com a família de informação que permita responder às questões colocadas;
  • Recolha de informação pertinente de uma seleção de textos;
  • Construção de um mapa conceptual sobre a areia;
  • Preparação de visitas de campo/ proposta pedagógica do Geoparque;
  • Visita de campo - visita a praias, dunas…, recolha de amostras para análise, reportagem fotográfica;
  •  Análise das amostras: identificação da cor, textura, ta - manho, forma, composição;
  • Coleção de areias; · Possibilidade de recolher diferentes amostras de areia de outros pontos do país;
  • Com a areia realizar um projeto “artístico” para expor (textos - diferentes tipologias -, esculturas, pinturas, fo - tografias, vídeos,...)
As areias e água do mar recolhidas pelos alunos do 1º e 3º ciclos serão alvo de análise pelos alunos do secundário com o objetivo de proceder à sua caracterização. Para isso serão usados os seguintes Laboratórios:
  • Laboratório de Sondagem Mecânica e Geofísica - recolha de areias a diferentes profundidades.
  • Laboratório de Processamento de Amostras em Sedimentologia - estudo da granulometria.
  • Laboratório de Microscopia e de Petrografia - observação à lupa para identificação dos mate - riais constituintes, forma dos grãos (esfericidade) / grau de rolamento e brilho e estado da superfície. - Litoteca Municipal - coleção de amostras.
  • Laboratórios de Química da ESM - análise da salinidade e dos micro-organismos.
  • Laboratório de Comunicação em Ciência - metodologia da recolha das amostras. Divulgação dos resultados obtidos