Olhar o rio, fixar a serra: memória geocultural de Arga e Lima

1. DESTINATÁRIOS

  • Todos os alunos das turmas do 7º Ano e 8º Ano, previsivelmente 8 turmas, da escola EB 23 de Arga e Lima. (170 alunos)
  • Todos os alunos das turmas de Ciências e Tecnologias do 10º, 11º e 12º Ano inscritos à disciplina de Biologia e Geologia, Física e Química, Biologia, Química, previsivelmente 6 turmas. (130 alunos)
  • Todas as turmas do 10º Ano do curso profissional de Técnico de animação turística. (20 alunos)
  • Todas as turmas de 5º e 6º Ano. (150 alunos)

2. DISCIPLINAS

Ciências Naturais
  • 5º, 6º, 7º e 8º Ano
Biologia e Geologia
  • 10º e 11º Ano
Física e Química
  • 10º e 11º Ano
Biologia
  • 12º Ano
Química
  • 12º Ano
Educação Física 
  • 5º,6º,7º,8º Ano
Geografia 
  • 7º e 8º Ano
História
  • 7º e 8º Ano TIC - 8º Ano
Português
  • 5º, 6º,7º e 8º Ano
Inglês
  • 10º e 11º Ano
Disciplinas técnicas do curso de Turismo
  • 10º Ano

3. (SUB) UNIDADES CURRICULARES ABRANGIDAS

Consultar o “Livro do Professor - AE Arga e Lima”

4. CARGA HORÁRIA SOB FLEXIBILIZAÇÃO CURRICULAR (POR DISCIPLINA)

TOTAL - 184 tempos sob flexibilização no total das disciplinas e anos envolvidos.
  • 5º e 6º Ano - média de 6% da carga horária das disciplinas envolvidas (Educação Física, Português e Ciências Naturais;)
  • 7º Ano - média de 6% da carga horária das disciplinas envolvidas (Português, Ciências, Educação Física, História e Geografia);
  • 8º Ano - média de 6% da carga horária das disciplinas envolvidas (Ciências, Educação Física, Geografia, Português e História);
  • 10º Ano - média de 5% da carga horária das disciplinas envolvidas (Biologia e Geologia, Inglês Física e Química);
  • 11º Ano - média de 5% da carga horária das disciplinas envolvidas (Biologia e Geologia, Inglês Física e Química);
  • 12º Ano - média de 9% da carga horária das disciplinas envolvidas (Biologia, Química).
  • Curso Profissional - dados ainda não possíveis de fornecer por ainda não se saber o curso escolhido pelos alunos do 10º ano e a sua carga horária de TIC.
  • 5º e 6º Ano - 24 tempos de 45 minutos (4 manhãs ou tardes)
  • 7º Ano - 24 Tempos de 45 minutos (4 manhãs ou tardes)
  • 8º Ano - 24 tempos de 45 minutos (4 manhãs ou tardes)
  • 10º Ano - 24 tempos de 45 minutos (4 manhãs ou tardes)
  • 11º Ano - 24 tempos de 45 minutos (4 tardes ou manhãs)
  • 12º Ano - 24 tempos de 45 minutos (4 tardes ou manhãs)
Nota - esta carga horária poderá ser distribuída por um ou dois anos letivos conforme decisão dos Conselhos de Turma.

5. PREVISÃO DA(S) ATIVIDADE(S) POR PERÍODO LETIVO

  • 1º Período
  • 2º Período
  • 3º Período

6. ESTIMATIVA ORÇAMENTAL

3000€

7. DOMÍNIOS DA PRÁTICA EXPERIMENTAL:

  • Recolha e registo de património imaterial;
  • Inventário e cadastro de património construído (incluindo arqueológico).

8. UTILIZAÇÃO PREVISTA DA REDE ESCOLAR DE CIÊNCIA E DE APOIO À INVESTIGAÇÃO CIENTÍFICA

9. AGRUPAMENTO/ESCOLA RESPONSÁVEL

Agrupamento de Escolas de Arga e Lima

10. DESCRIÇÃO SUMÁRIA

A cultura, sob todas as formas de arte, de amor e de pensamento, através dos séculos, capacitou o homem a ser menos escravizado. (André Malraux)

O projeto resulta, como aliás acontece com todos os outros, da análise feita de dados recolhidos na autoavaliação do agrupamento, no relatório de avaliação externa, no Plano de melhoria. Procura contribuir, à sua medida, para alcançar as metas do Projeto Educativo, os objetivos do Plano anual de atividades, as fragilidades diagnosticadas nos Projetos curriculares de Turma e os resultados do Plano de Ação Estratégico concebido no presente ano letivo para combater o insucesso.

Enquanto projeto de ação procura pôr em prática um conjunto de iniciativas que se constituam como oportunidades para o desenvolvimento de descritores de desempenho no domínio da leitura nas suas diferentes aceções e implicações, mas também nos domínios das diferentes literacias, da escuta ativa, da oralidade e da escrita. O trabalho experimental baseado na observação, registo, interpretação, pesquisa para procura da informação e sua transformação em conhecimento, a recolha de informação em fontes orais e no encontro com a riqueza cultural permitirão aos alunos consolidar competências que permitam desenvolver a sua autonomia, o espírito critico e, simultaneamente, a tomada de consciência dos problemas e das potencialidades do meio em que o agrupamento se insere.